5 Livros que você tem que ler mais de uma vez

São vários os motivos que tornam um livro especial para uma pessoa, e claro que a maioria deles é bem particular. Ser um clássico, ter feito a diferença para que a pessoa compreendesse algo que não era tão claro antes, a descoberta de um novo autor ou personagem marcante, a nostalgia pelo momento da vida em que o livro foi lido e muito mais. Mas o livro que é indispensável pra você, talvez não tenha sido uma leitura legal pra mim e vice-versa. E não é muito difícil também acontecer de eu nem ter lido aquele livro, que você acha um crime inafiançável o mundo não conhecer, ou não admirar tanto assim.

Pensando nisso, tentei puxar pela memória 5 desses livros que eu não somente recomendaria pra qualquer um, mas também acho que devem ser lidos e relidos por muitas e muitas vezes. Ou nem tantas assim. rs

cao5 – O Cão dos Baskerville – Arthur Conan Doyle

Um dos romances policiais mais queridos pelos fãs do personagem Sherlock Holmes. O livro conta a investigação da morte de um milionário inglês que, supostamente, teria sido por um cão que assombrava a região.

Como na maioria das histórias do detetive, a trama é intrigante e a capacidade de análise de Sherlock é um tempero a mais, que faz você ansiar pela próxima descoberta genial dele, sempre trabalhando com seu fiel parceiro Dr. Watson.

Este livro possui um valor sentimental para mim, já que é o primeiro com uma temática mais adulta que me lembro de ter lido em toda a minha vida, pegando emprestado na biblioteca da minha escola.

Acho que ele deve ser lido mais de uma vez para que você note todos os pormenores da escrita de Conan Doyle. São tantos detalhes colocados que parecem ser despretensiosos, mas que vão ter muita importância no fim. Ler pela primeira vez é para se surpreender e curtir, e a segunda é para analisar e se impressionar.

vantagens4 – As Vantagens de Ser Invisível – Stephen Chbosky

Este livro conta a história de Charlie, um menino que não é tão normal assim, que se autodenomina um invisível, alguém que é completamente despercebido na escola, por não ser popular, não ter os melhores talentos esportivos ou acadêmicos e ter uma dificuldade em se relacionar.

Mas a história muda completamente quando ele encontra amigos que o entendem como ele é, e que acabam sendo as pessoas que o apresentam a vida como ela é, resultando em suas primeiras experiências amorosas, dramas familiares, festas e muito mais.

O livro é escrito de forma diferente também. Cada capítulo é uma carta do próprio Charlie, enviada a um amigo que não conseguimos saber quem é, com o claro objetivo de fazer você pensar se realmente é pra você ou se está lendo algo confidencial de alguém.

O formato é muito interessante, mas a forma pura como Charlie pensa e as sutilezas do texto de Chbosky são apaixonantes. A obra também foi adaptada para o cinema e o filme está na Netflix.

Enfim, é um livro que deve ser lido mais de uma vez para você se emocionar e se lembrar de algumas coisas importantes que, às vezes, acabamos nos esquecendo por algum tempo.

principe3 – O Pequeno Príncipe – Antoine de Saint-Exupéry

Acho que não preciso explicar muito sobre um clássico de cabeceira, mas aqui vai minha opinião e experiência. O Pequeno Príncipe é um daqueles livros que você tem que ler antes de morrer, que através de sua história com grande tom poético e filosófico faz você pensar e refletir sobre muitas coisas.

Em minha experiência, li o livro apenas quando já estava adulto, mas a leitura é excelente da mesma forma. Acho que é um livro que não é pra ser relido 1 vez, mas que deve ser revisitado sempre, a um certo intervalo de tempo.

O livro já teve uma adaptação para o cinema no ano de 1974, mas acho realmente uma das obras que mais necessitam de uma releitura nas telonas, uma versão fiel e muito bem feita, com um orçamento nas alturas. Espero que esse dia chegue logo para que a obra atinja o maior número de pessoas quanto possível.

mundo2 – Admirável Mundo Novo – Aldous Huxley

Um clássico da ficção científica, que também serve de porta de entrada para quem quiser começar a ler mais o gênero. Não que AMN seja um livro fácil de ser lido, claro que precisa-se existir uma suspensão de descrença para que a história realmente engrene na sua cabeça, mas porque Huxley consegue criar uma história incrível e crível ao mesmo tempo.

A história se passa em um futuro onde não existem éticas religiosas ou valores morais que regem a sociedade. Como em toda sci-fi, um contexto científico é usado para uma crítica ao padrão de vida humano, mas a forma como a história se desenrola faz você realmente acreditar que poderia estar vivendo em um mundo como esse, e que poderia ser um daqueles personagens envolvidos.

É um livro incômodo, que trata de assuntos complexos e outros nem tanto, mas que deve ser lido mais de uma vez para uma completa digestão de todas as críticas e discussões que são levantadas.

hobbit1 – O Hobbit – J. R. R. Tolkien

Faz pouquíssimo tempo que terminei de ler O Hobbit e fico me perguntando “como demorei tanto?”. Com certeza você tem alguns livros que fizeram o mesmo com você. E com certeza também muitos fãs vão contestar porque eu estou colocando aqui este livro ao invés da saga O Senhor dos Anéis. A minha resposta é simples: O Hobbit é um livro para todo mundo.

A saga do anel é um grande e especial clássico pra mim, mas realmente é um livro difícil de ser lido, sobretudo para quem não tem o costume de ler fantasia. É uma série cansativa, que exige grande compreensão do universo fantástico, e que exige muito empenho do leitor.

Já O Hobbit é completamente o contrário. Pode ser lido por qualquer pessoa e não exige conhecimento do universo. Como muitos avaliam, no momento em que foi escrito Tolkien ainda estava lapidando sua escrita, e acho que esse é o ponto principal que faz com que toda e qualquer pessoa possa ler e aproveitar.

É uma história leve, com escrita fácil, mas também com toda a magia e fantasia do mestre Tolkien. E como uma obra dele, deve ser sempre revisitada e admirada.


Espero que vocês tenham gostado das dicas. Claro que as recomendações vão muito de acordo com meu estilo de leitura, os assuntos que mais me interesso, mas isso não impede você de experimentar a leitura de um deles. Vai que ele também se torna marcante pra você.

Agora eu quero saber quais são os livros que você me recomenda. Comente aqui embaixo com o seu top 5. 🙂

Anúncios

13 comentários em “5 Livros que você tem que ler mais de uma vez”

  1. Amo demais as vantagens de ser invisível e já li mais de uma ver
    Indico: A maldição do tigre
    Os instrumentos mortais
    A culpa é das estrelas (Livro modinha, mas que merece muito ser lido mais de uma vez)
    Uma família para Kathy( Um livro pouco comentado, mas quem ler creio que vai se emocionar bastante)
    Os 13 por quês
    Tenho mais para indicar mas como é só é 5 rs.
    Amei o blog, parabéns pelo trabalho

  2. Eu sou MUITO fã de fantasia (aliás, esses dias parei pra olhar a estante e dos 80 e tantos livros que tenho, apenas uns 15 não pertencem ao gênero) e não consigo gostar de LotR de jeito nenhum (adoro a historia em si, mas o jeito como o Tolkien escreve me dá nos nervos, tenho vontade de sacudir o homem até avançar a historia de uma vez), o que sempre me afastou do Hobbit.
    Acho que é o único da lista que eu não consigo pegar pra ler de novo…
    Admirável mundo novo não li ainda, vou anotar aqui para a próxima vez que ter promoção na amazon, parece muito interessante.

    Um livro que eu recomendo a releitura é a Sombra do Vento. Sou apaixonada pelo estilo de escrita do Zafón ❤

  3. Não li nenhum de sua lista ainda. O Pequeno Príncipe e As Vantagens de Ser Invisível não me atraíram pela premissa, mas estou há muito tempo enrolando para ler O Hobbit e O Cão dos Baskerville (Admirável Mundo Novo também está na lista).
    Como recomendação para se ler mais de uma vez, deixaria A Crônica do Matador do Rei (o que inclui A Música do Silêncio, para quem gostou), porque a escrita do Rothfuss é excelente e muito poética em alguns trechos, e, já que você não adicionou, Senhor dos Anéis, pela quantidade de pormenores que caracterizam um mundo tão bem construído. As Crônicas de Gelo e Fogo valem pelo mesmo motivo, e também pelas pistas ocultas que podem indicar (ou não) os acontecimentos dos próximos livros. E indicaria também a série Nobres Vigaristas, que além de um mundo e personagens muitíssimo bem construídos, é uma leitura muito divertida que sempre vale a pena revisitar.

  4. Olá!!

    Dos livros que você citou, eu já tive a oportunidade de ler três: O cão dos Bakerville, que eu vejo como um Scooby Doo para Sherlock Holmes, O Pequeno Príncipe, que eu preciso reler (dizem que é um livro que deve ser lido várias vezes durante da vida) e O Hobbit, do qual eu não curti muito, ainda prefiro O Senhor dos Anéis.

    Acho que eu indicaria O Pequeno Príncipe, que como disse acima, deve ser relido sempre (por que nossos ponto de vista vivem mudando)….

    Até mais

  5. Os livros são ótimos, mas quando se trata das aventuras de Sherlock, acho que “Um estudo em vermelho” é o melhor! Eu colocaria nessa lista as “cronicas de gelo e fogo”

    Adorei o Blog!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s